Acidente nega bom resultado a Álvaro Parente


A corrida de estreia de Álvaro Parente na Stock Car Brasil, realizada em Interlagos, não podia ser mais madrasta para o português, dado o seu colega de equipa ter sido forçado a abandonar quando seguia em quinto devido a um toque de outro piloto.

Álvaro Parente
Álvaro Parente

Depois da boa performance na qualificação de ontem – em que assinou o terceiro crono da sua qualificação, o que lhe valeu o quinto lugar na grelha de partida – o portuense e Denis Navarro – o titular do carro número cinco da Voxx Racing Team – tinham as expectativas altas para a prova de hoje.

A prova adivinhava-se difícil, dado que a pista estava bastante molhada, tendo as duas primeiras voltas sido efectuadas com o Safety-Car em pista, mas assim que a corrida iniciou a sua fase competitiva o piloto brasileiro adoptou uma toada cuidadosa, mantendo-se na quinta posição com os quatro primeiros ao seu alcance.

No entanto, Denis Navarro acabou por sofrer um toque de um piloto demasiado optimista, o que despoletou um violento embate, deixando o carro da equipa brasileira bastante maltratado, levando o duo luso-brasileiro à desistência.

“Tivemos azar na corrida de hoje, nem sequer entrei no carro! Com a pista bastante molhada no início, o Denis estava a realizar uma prova cuidadosa e, quando seguia em quinto, sofreu um toque que acabou por provocar um acidente e danificar bastante o nosso carro, ditando o nosso abandono. Olhando para a classificação do outro carro da Voxx Racing Team – terminou em quarto encostado no terceiro classificado –, penso que seria possível alcançar um lugar no pódio, mas as corridas são assim”, admitiu com resignação Álvaro Parente.

Apesar do desfecho da prova de hoje longe das suas fundadas expectativas, o piloto português demonstra-se muito agradado com o contacto com uma realidade nova e diferente, não deixando de agradecer à equipa e ao seu colega todo o apoio evidenciado ao longo de todo o fim-de-semana. “Resta-me agradecer à Voxx Racing Team e ao Denis Navarro o convite que me fizeram e a forma como me ajudaram na minha adaptação ao campeonato, ao carro e ao circuito. Foi uma experiência muito enriquecedora e, quem sabe, se no futuro não poderá haver outra oportunidade”, afirmou Álvaro Parente.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s