#MotoGp : GP Argentina by Aires Pereira


Ultrapassagem de Marquez a Lorenzo
Ultrapassagem de Marquez a Lorenzo

Mais do mesmo! Marquez bate mais um recorde ao ser o primeiro piloto da história de MotoGP que consegue ganhar as três primeiras provas a partir de outras tês pole position. Para agravar a situação as Honda parecem ter um ascendente ainda mais notório para com as Yamaha o que não augura nada de bom para o espectáculo. Baixa de peso na Ducati com Cal Crutchlow a não poder alinhar em face da queda de Austin.

 

Quando se fala de Marc Marquez fala-se do primeiro lugar! Não há ninguém que o pare. Nem mesmo numa pista que é totalmente desconhecida (para todos, obviamente) Marquez fica atrás. Bastam-lhe ½ dúzia de voltas e passa de último para primeiro. Parece um verdadeiro computador. No entanto foi mesmo Lorenzo quem conseguiu o melhor tempo na 1ª sessão de treinos. A partir daí só deu Marquez. Valentino Rossi voltou a mostrar que está aí para as curvas e Aleix Espargaro esteve sempre entre os primeiros. A qualificação acabou por levar Lorenzo ao 2º tempo e Pedrosa no último lugar da primeira fila. O contentamento de Lorenzo era visível em face das dificuldades por que passou nas duas últimas provas.

Mas o começo da corrida não foi nada pacífico. Aliás as duas primeiras voltas foram frenéticas. Com Marquez e Pedrosa a serem engolidos pelo pelotão após uma partida mal sucedida e Jorge Lorenzo a fazer o que faz de melhor, distanciando-se o mais que podia do pelotão, assistindo-se então a uma luta titânica de Rossi …contra todos. De facto no fim da 2ª volta, fruto de uma excelente largada Rossi atacava Lorenzo para o primeiro lugar quando levou um “chega-pra-lá” do companheiro de equipa e de Pedrosa. Mais uma volta volvida e novo encosto, desta feita de Bradl. Até levou os comentadores a dizerem para “largarem o homem que ele já tem 35 anos”!!! Com isto Rossi caia para o sétimo posto. Marquez encetava então a recuperação. Paulatinamente volta após volta ultrapassava os adversários até se colar à roda de Lorenzo onde passou algumas voltas a estudar as trajectórias. Contudo, assim que percebeu onde estava o ponto fraco de Lorenzo a corrida acabou! Marquez passou para a frente e não mais largou a liderança da corrida. Lorenzo ainda viria a ser ultrapassado por Pedrosa que fez uma excelente recuperação e Rossi conseguia fazer das tripas coração e arrancar o 4º posto. Nota muito negativa para Bautista que em três provas acumula três quedas. Iannone voltou a ser a melhor Ducati atravessando um excelente momento de forma. Na próxima semana inicia-se o périplo pela Europa e a coisa pode mudar de figura, pelo menos para os “segundos” já que não se espera que Marquez diminua a sua supremacia em prova.

 

1º Marc Marquez – Honda (75 pts), 2º Dani Pedrosa – Honda (56 pts), 3º Valentino Rossi – Yamaha (41 pts)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s