Vitória em Portimão para Ramos e Pastorelli


Uma fantástica operação para a V8 Racing no fim-de-semana Algarvio. O piloto Português Miguel Ramos conseguiu a terceira vitória em Portimão, segunda consecutiva com Nicky Pastorelli como colega de equipa. No Sábado tinham sido terceiros na primeira corrida.

Miguel Ramos
Miguel Ramos

O sucesso do Corvette #2 começou a desenhar-se com uma boa estratégia da equipa logo desde a partida, com um primeiro turno cauteloso de Pastorelli que sentindo não ter hipótese de se intrometer na luta entre o primeiro e segundo logo desde o arranque, (foi ultrapassado por Soulet que partiu da Pole, Zampieri e mesmo por Hamilton), caiu para 4º, preferindo manter-se sempre muito próximo, esperando pela mudança de pilotos, para com a entrada de Ramos, poderem então fazer o ataque nessa segunda metade da corrida.

Se assim pensaram, melhor o fizeram, pois com a mudança de pilotos, o Corvette #2 passou para o 2º lugar e Ramos começou a pressionar o Ferrari de Mavlanov, acabando-o por conseguir ultrapassar e assim chegar a primeiro.

As ultimas voltas foram de grande emoção nas hostes da V8 Racing pois o Corvette #4 com Diederick Sijthoff ao volante aproximava-se perigosamente do Corvette que liderava a corrida e com Ramos a dar tudo por tudo, “os últimos 10 minutos foram de grande pressão pois sentia o Diederick a aproximar-se volta após volta e eu já estava a dar o máximo. Forcei bastante nas primeiras voltas do meu turno ao tentar aproximar-me do Mavlanov e isso fez-se pagar no final com o carro um pouco degradado, pois o comportamento foi piorando á medida que a corrida se aproximava do final. A duas ou três voltas o Diederick teve uma ligeira saída que o fez atrasar 1 a 2 segundos e isso foi o suficiente para eu poder gerir o final de corrida como bem quis”.

Esta foi a terceira vitória de Miguel Ramos em Portimão, o que se pode considerar um circuito talismã para o Piloto Português, “efectivamente tem corrido muito bem as corridas em Portimão, mas também no Estoril pois a ultima vez que lá fui, venci a corrida dos GT’s España com o meu irmão como colega de equipa. Portimão tem sido ultimamente o circuito que mais visitamos e onde somos sempre muito bem recebidos e onde as provas nos têm corrido muito bem. Como sabem eu adoro correr que o meu País possa receber estas provas Internacionais e por isso não nego que me dá uma prazer redobrado poder desfraldar a nossa Bandeira quando as provas me correm de feição, tal como aconteceu hoje”.

A próxima prova do International GT Open será em Jerez de la Frontera a 21 e 22 de Junho.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s