#MotoGp #Brno : Crónica by Aires Pereira


Dani Pedrosa
Dani Pedrosa

Pronto! Foi desta! Marquez foi batido. Isto fará correr muita tinta nos jornais desportivos de todo o mundo. E foi batido pelo seu companheiro de equipa, Dani Pedrosa. Confesso que não estava à espera! Mas foi de facto o melhor piloto em pista tendo mesmo relegado Lorenzo para segundo plano. Que me lembre é a primeira vez que isto acontece em luta directa pelo primeiro lugar.

 

Os treinos livres correram bem a muita gente. Nomeadamente as duas Honda e as duas Yamaha tiveram direito a fazer o 1º tempo numa das mangas. Quem surpreendeu, não por não ter capacidade mas por não ser habitual nestas lides foi Iannone que de resto veio a confirmar durante o restante fim-de-semana a sua boa forma e aboa forma da Ducati Pramac ao seu cuidado. A pole position acabou por ir para Marquez que teve a seu lado na primeira fila da grelha duas Ducati, a de Dovizioso e de Iannone.

Como já é hábito Marquez não fez jus à sua posição de pole position fazendo com que Iannone e Dovizioso assumissem a liderança do pelotão. Lorenzo e Pedrosa vinham logo atrás enquanto Rossi e Marquez os seguiam. Lorenzo sentindo que podia ganhar ataca as duas Ducati de uma só vez iniciando uma liderança que demorou várias voltas. Pedrosa que vinha logo atrás não se deixa ficar e depois de “despachar” as Ducati enceta a perseguição. Lá atrás Marquez passa Rossi e desenvolve uma batalha absolutamente frenética com Iannone que tudo fez para não o deixar passar, com os pilotos a tocarem-se por mais que uma vez. Mas Marquez levaria a melhor e Rossi que vinha logo atrás não teve dificuldade em passar o seu amigo Iannone. Assistiu-se então á caça de Lorenzo por Pedrosa que consumou a ultrapassagem a meio da corrida. Marquez parecia determinado a ir buscar ambos, como aliás é habitual, mas desta feita qualquer coisa falhou pois o campeão do mundo não só não conseguiu recuperar segundos para o líder como inclusivamente começou a perder segundos para Rossi que no fim da prova acabou mesmo por lhe roubar o 3º posto.

Finalmente Marquez foi batido e com isso não conseguirá o tão desejado troféu de ser o piloto com mais provas ganhas sucessivamente. Fica empatado com os outros dois grandes senhores Doohan e Agostini. Mas este resultado nem beliscou o campeonato. Esse está para lá de ganho…

 

1º Marc Marquez – Honda (263 pts), 2º Dani Pedrosa – Honda (186 pts), 3º – Valentino Rossi – Yamaha (173 pts)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s