#MotoGp : #MisanoGp – crónica by Aires Pereira


Rossi!!!!!
Rossi!!!!!

 

English

Imagine you have been 9 times world champion, imagine no winning in “home” GP for five years, imagine all the care and responsibility of having 90% of the audience to cheer for you and then you realize what Rossi felt when he crossed the line first the first time in 2014. Rossi has 35 years, 19 years running at the highest level (some riders were not even born when he started running) and 107 wins … there’s not much more to say!

 

Imaginem que já foram 9 vezes campeões do mundo, imaginem que não ganham há 5 anos no GP de “casa”, imaginem todo o carinho e responsabilidade de ter 90% do público a torcer por vocês e perceberão o que Rossi sentiu quando cortou a meta em primeiro lugar pela primeira vez em 2014. Rossi tem 35 anos, 19 anos a correr ao mais alto nível (alguns pilotos não eram nascidos ainda quando ele começou a correr) e 107 vitórias…não há muito mais a dizer!

 

Com treinos livres debaixo de chuva os pilotos variavam muito na obtenção dos melhores tempos e mesmo com algumas surpresas, mas quando voltou o tempo seco Rossi não deixou dúvidas que estava ali para competir pela vitória e arrebatou o melhor tempo. As Yamaha pareciam estar melhor afinadas para a pista que as Honda com Rossi e Lorenzo a conseguirem o 1ª e 3ª tempos da grelha e Iannone a intrometer-se com um excelente 2º posto. Marquez ficava pela primeira vez fora da 1ª fila com o 4º tempo e Pedrosa logo a seguir.

Curiosamente e depois de rever a corrida encontrei espantosas semelhanças com Laguna Seca 2008. Para os mais esquecidos esta prova foi, provavelmente a melhor corrida dos últimos 10 anos, desde as incríveis batalhas de Doohan & Cª, senão vejamos: Dois protagonistas, Rossi e Marquez (Stoner em 2008), cinco voltas alucinantes no início da corrida, várias ultrapassagens só ao alcance de verdadeiros campeões e a queda do opositor de Rossi…pois são muitas semelhanças. Mas comecemos pelo princípio. Lorenzo com um arranque canhão coloca-se na frente do pelotão como é seu apanágio. Rossi passa Iannone e cola-se á roda do companheiro de equipa e Marquez salta da 4ª posição com ultrapassagem por fora para fazer a 2ª curva já em terceiro. Nunca se tinha assistido a uma verdadeira batalha entre Rossi e Marquez porque a ocasião nunca se proporcionara. Este fim-de-semana foi a primeira vez que ambos lutaram com “a faca nos dentes” e foram 5 voltas absolutamente frenéticas. Pelo meio ainda tiveram tempo de passar Lorenzo como se ele estivesse parado. Foi impressionante assistir a esta luta. Mas pela primeira vez em 2014 Marquez cometeu um erro e esse erro custou-lhe uma queda (esquisita, por sinal) e o arredar para o fundo do pelotão, conseguindo mesmo assim um solitário ponto no final. Na frente Rossi levava de vencida o “seu” grande prémio com Lorenzo na segunda posição e Pedrosa a salvar a “honra do convento” para a Honda ao conseguir o último lugar no pódio, mas sem conseguir evitar a aproximação de Rossi ao segundo lugar que está agora a um mero ponto de distância.

 

1º Marc Marquez – Honda (289 pts), 2º Dani Pedrosa – Honda (215 pts), 3º – Valentino Rossi – Yamaha (214 pts)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s