#Moto3 : #AustralianGp , #PhilipIsland – crónica by Aires Pereira


 

Jack Miller
Jack Miller

Inglês

As mentioned in the last chronic, the latter three races tend to be fantastic and Philip Island did not disappoint. Miller took the home factor for the gap to Marquez, but it was not easy. Miguel started from 15th position and ultimately benefited from falls in front of him to finish an excellent 7th position.

 

Tal como referido na última crónica, estas três últimas provas tendem a ser fantásticas e Philip Island não desapontou. Miller aproveitou o factor casa para diminuir a diferença para Marquez, mas não foi nada fácil. Miguel que começou da 15ª posição acabou por beneficiar das quedas à frente dele para terminar numa excelente 7ª posição.

 

As Honda levaram claramente vantagem sobre as KTM neste fim-de-semana australiano. Com Kent à mistura (que está a fazer um excelente fim de época) foram Rins, Marquez e Vazquez a dominar os acontecimentos em Philip Island. Foram treinos bastante disputados que nos davam a indicação que se aproximava uma excelente prova. Com isto Alex Marquez acabava na melhor posição para defender a vantagem pontual do campeonato do mundo, na pole position. Rins e Guevara completavam a primeira linha com Miller a partir da terceira fila!

O mote foi dado pelas Honda da Estrella Galicia com Marquez à frente na primeira curva. Mas aos poucos o normal grupo de motos acabou por se formar com alterações das posições a cada volta. Os envolvidos eram as Honda de Rins, Marquez, Vazques, McPhee e Masbou, as KTM de Miller, Fenati, Viñales e Guevara, a Husqvarna de Kent e a Mahindra e Binder. Miguel vinha mais atrás no segundo grupo numa batalha constante com Kornfeil. Miller e Marquez tanto estavam na liderança como na volta seguinte já estavam no fim do pelotão que entretanto foi diminuindo. Primeiro foi Fenati, depois Guevara e por fim Kent e Binder, ficando na frente Miller, Marquez e Rins. Vazquez, McPhee e Masbou também andavam por lá para complicar as contas. As Honda tinham a vantagem da velocidade que era mesmo impressionante em Marquez e Vazquez, mas Miller tinha a vantagem casa e de conhecer a pista como as suas mãos, o que em última instância o levou a calcular a estratégia para a vitória final. Fantástico final, mais um ao milésimo de segundo com Miller a cortar a meta 3 centésimos de segundo antes de Marquez que por sua vez levou de vantagem Rins por 3 milésimos!!!! A distância para Marquez está agora diminuída em 5 pontos mas ainda são 20 para as últimas duas provas. Isto poderia fazer com que Marquez tentasse fazer uma gestão inteligente das duas últimas provas, mas se este for como o irmão, e já o demonstrou numa série de ocasiões, teremos luta até ao último centésimo de segundo em ambas as pistas.

 

1º Alex Marquez – Honda (251 pts), 2º Jack Miller – KTM (231 pts); 3º Alex Rins – Honda (210 pts)…11º Miguel Oliveira – Mahindra (102 pts)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s