#GT #Open: Álvaro Parente e Miguel Ramos são Campeões


Álvaro Parente e Miguel Ramos, ao serviço da Teo Martín Motorsport, sagraram-se hoje vencedores do International GT Open ao terminarem no terceiro posto a primeira corrida da derradeira ronda da temporada, que se disputa este fim-de-semana em Barcelona.

O piloto oficial da McLaren GT cedo mostrou que o duo luso do McLaren 650S estava no circuito catalão com o objectivo claro de triunfar no campeonato, o desiderato prioritário desde o início da temporada, e conquistou uma pole-position expressiva ao deixar o seu mais próximo adversário a quase meio segundo.

Na corrida, Álvaro Parente sofreu um intenso ataque no arranque do seu principal adversário, mas conseguiu contra-atacar, recuperando o comando das operações. A partir de então passou a ditar um andamento forte que lhe permitiu abrir uma margem confortável, que no entanto, foi diluída quando chegaram os retardatários.

O piloto do Porto acabou por entregar o carro a Miguel Ramos no comando, mas com o pesado handicap que o duo luso possuía, este saiu no segundo lugar, descendo para o terceiro posto por troca com o segundo McLaren 650S da Teo Martín Motorsport, que acabaria por vencer.

Miguel Ramos geriu muito bem a sua corrida, e viu a bandeirada de xadrez no terceiro posto, o que foi suficiente para que ele e Álvaro Parente vencessem o International GT Open ao volante do McLaren 650S da Teo Martín Motorsport.

“Foi uma corrida difícil, ao contrário do que aparentou. No arranque o Rugolo arriscou muito, o que era normal, mas alargou muito trajectória e eu consegui recuperar a liderança, o que foi determinante para a restante prova. Consegui ganhar alguma vantagem, mas foi difícil mantê-la devido às dobragens. Depois o Miguel conseguiu efectuar uma boa corrida de gestão e, com o terceiro lugar conseguimos conquistar o ceptro”, afirmou Álvaro Parente com satisfação.

O desfecho da corrida de hoje acaba por ser o culminar de uma época extraordinária em que o McLaren 650S da Teo Martín Motorsport tripulado pelos portugueses foi sempre um dos grandes protagonistas. “O nosso objectivo sempre foi vencer o International GT Open e desde o início da época e todos na equipa trabalhámos para esse fim. Realizámos um enorme esforço, mas agora fomos recompensados e penso que merecidamente”, frisou Álvaro Parente.

Amanhã será disputada a segunda corrida da ronda de Barcelona, que concluirá a temporada do International GT Open. Será Miguel Ramos a realizar a qualificação e a efectuar o primeiro turno.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s