#CampenatoNacionaldeRalis: José Pedro Fonte vence com autoridade o Rali Serras de Fafe


José Pedro Fontes, de novo acompanhado por Inês Ponte, começou a temporada de 2016 da
melhor forma, assegurando que está presente para defender com unhas e dentes o seu
primeiro título de Campeão Nacional de Ralis absoluto, conquistado em 2015. CVT_Serras2

O piloto do Citroën Vodafone Team, aos comandos do Citroën DS 3 R5 que exibe paralelamente as cores da Vodafone, Total, Express Glass e Milaneza, garantiu o triunfo no Rali Serras de Fafe, a prova de abertura da temporada, batendo a dupla Pedro Meireles/Mário Castro por 9,7s após uma prova dura e disputada do primeiro ao último quilómetro. A prova ficou marcada ainda por condições meteorológicas altamente adversas, em que pontuaram a chuva, o vento forte e o frio, durante os dois dias passados em algumas das mais emblemáticas classificativas do Minho.

O resultado final reflectiu um domínio se contestação, em especial a parte final da prova,
quando José Pedro Fontes ascendeu de forma clara ao topo da classificação, passando, em
apenas três troços, de 3º classificado para líder prova, consolidando depois, no 10º e último
troço, a liderança, que se transformou numa saborosa vitória, na prova organizada pelo clube Demoporto.

Aproveitando da melhor forma as segundas passagens pelos troços, embora estes se
apresentassem mais duros e mais cavados, José Pedro Fontes recuperou friamente os 12
segundos que perdeu com uma ligeira saída de estrada logo no 2º troço da prova (Confurco 2), na noite de sexta-feira, batendo na estrada os seus principais adversários. Além disso, o Citroën DS3 R5, funcionou que “como um relógio”, não apresentando quaisquer problemas ao longo de todo o rali, no que foi um excelente aliado para o Campeão Nacional executar da melhor forma a defesa do seu título, nesta que foi a primeira de oito provas do calendário de 2016.

Naturalmente satisfeito, José Pedro Fontes afirmava, no final do rali, que: “tal como eu previa foi um rali muito duro em que a chuva veio baralhar ainda mais a estratégia.
Assegurámos a nossa primeira vitória em pisos de terra, algo que para mim é relevante
já que éramos nós que abrimos a estrada. Em alguns troços este detalhe tornou-nos a
vida ainda mais difícil. Uma vez mais, toda equipa está de parabéns! Fizemos um
excelente trabalho de preparação da época. O carro esteve óptimo, sem o mínimo de
problemas e a verdade é que ao longo de todo o rali o único percalço que tivemos foi a
saída de estrada na sexta-feira a noite e que nos fez perder tempo, obrigando a fazer um arranque mais agressivo para segunda etapa… Conseguimos dar mais uma vitória à
Citroën, a minha estreia a ganhar em pisos de terra, e esta foi, sem dúvida alguma, a
melhor maneira de iniciar esta temporada. Para finalizar gostava de dar os parabéns a
todos os meus adversários pelo excelente desempenho num rali tão disputado.”

José Pedro Fontes e Inês Grancha venceram quatro das 10 especiais da prova, tendo as
restantes vitórias em troços sido repartidas, por Miguel Campos (3), Ricardo Moura (2) e Pedro Meireles (1), Desta forma, O piloto do Citroën Vodafone Team garantiu dois pontos adicionais (0,5 por cada troço ganho), aos 25 que lhe são atribuídos pelo triunfo à geral no rali.

O Campeonato Nacional de Ralis prossegue nos dias 23 e 24 de Abril, com o Rali Cidade de
Castelo Branco.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s