#Dakar2017 : #16ValvulasEntrevista Bianchi Prata sobre a presença com a equipa oficial #Honda

Bianchi Prata @ foto escolha pessoal
Bianchi Prata @ foto escolha pessoal

Provando mais uma vez que o 16Válvulas está onde a notícia acontece , apresentamos hoje a entrevista feita com o piloto português Bianchi Prata quando este se encontrava no Aeroporto de Madrid a aguardar o vôo que o leva ao Dakar 2017.

Ocasião para percebermos como aborda esta prova sul-americana num ano em que vai participar como piloto e não como team-manager.

Abordámos ainda as dificuldades que esperam Pedro , mas para as quais parte com altas expectativas pois vai usar uma moto vocacionada para estas provas.

Em suma , mais uma entrevista em cima do acontecimento e que não deve perder por nada!

Cliquem AQUI para ouvirem e subscreverem o Podcast do 16Válvulas

#FormulaE : #16ValvulasEntrevista Juan Manuel Lopez , piloto de testes *Entrevista em castelhano

Juan Manuel Lopez @foto escolha pessoal
Juan Manuel Lopez @foto escolha pessoal

Ocasião de voltarmos a ouvir um piloto que já passou por Portugal , tendo corrido na equipa portuguesa Aurora Racing.

Oportunidade de ouvirmos Juan Manuel Lopez , conhecido por “Cochito” que vem ao 16Válvulas falar essencialmente de 2014 onde foi piloto no GT Open até ter recebido um convite para ser piloto de desenvolvimento da FormulaE.

Assim vão poder ouvir o piloto argentino recordar o seu papel no desenvolvimento desta nova modalidade , bem como das dificuldades que está a sentir para conseguir um lugar em 2015 para a prova de Miami com referência para os altos valores que estão a ser exigidos aos pilotos nos poucos lugares disponíveis.

No final ficaram os cumprimentos para os muitos amigos que deixou em Portugal , nomeadamente Manuel Gião entre outros…

Em suma: mais uma interessante entrevista internacional , de que estou certo não vão perder por nada!

Cliquem AQUI para ouvirem e subscreverem o Podcast do 16Válvulas

Dakar 2014 – Pedro Bianchi Prata antevê um bom resultado

Bianchi Prata pronto @foto de escolha pessoal
Bianchi Prata pronto @foto de escolha pessoal

Já em direto da Argentina , Bianchi Prata , partilha connosco as expetativas para o Dakar 2014.

Assim nos próximos minutos vamos poder perceber que o piloto tem ambições de conseguir o seu melhor resultado em edições de Dakar pois foi um ano em que participou em muitas provas e conquistou o Campeonato Europeu , já em 2 anos consecutivos.

No final falámos ainda de 2014 e no pós-Dakar .

Em suma: mais uma entrevista com um dos portugueses que vão estar no Dakar 2014 e que não devem perder por nada e com os olhos na moto com o numero 53!

Cliquem AQUI para ouvirem a 1ª parte

e

e AQUI para a 2ª parte

Dakar 2013 – dois Iveco no ‘top-10’: de Rooy foi 4º e Kuipers 9º

Iveco em ação
Iveco em ação

O Team Petronas De Rooy Iveco obteve um 4º, um 9º e um 13º lugares na Classificação Geral do Dakar 2013, através, nomeadamente, de Gerard de Rooy com um Iveco Powerstar, Renè Kuipers num Iveco New Trakker Evolution 3 e Miki Biasion num Iveco New Trakker Evolution 2.
Na 14ª e última etapa do Dakar, Gerard de Rooy obteve o 2º melhor tempo, seguido por Miki Biasion em 3º. Apesar de bastante positivos, aqueles resultados não tiveram influência directa no escalonamento final da categoria de ‘Camiões’.
Gerard de Rooy e o seu Iveco Powerstar perdeu um lugar do pódio por apenas três minutos atrás do 3º classificado. Apesar da sua tenacidade e dos grandes esforços em face de uma série de dificuldades e do ambiente desafiador durante
todo o rali, o piloto holandês não conseguiu reconquistar o prestigiado 1º lugar que alcançara no Dakar 2012, contentando-se com uma 4ª posição na edição deste ano.
De Rooy exibiu as suas qualidades como líder da equipa desde o início da prova, obtendo uma vitória tripla nas três primeiras especiais. Ao longo da corrida voltaria a ganhar mais três etapas. Já o seu companheiro de equipa Miki Biasion
demonstrou frequentemente um enorme apoio para com o líder de Rooy. A sua 13ª posição no ‘ranking’ final regista uma recuperação significativa para o piloto do seu posicionamento a meio da prova.
Renè Kuipers fez, também, um excelente regresso, terminando em 9º da geral: “O Dakar 2013 marcou a minha estreia na competição na categoria de ‘Camiões’,mostrando-se uma experiência maravilhosa. Também desenvolvi um grande
apreço para com o novo Trakker que tive o prazer de conduzir. Pretendo começar tudo de novo,” disse Kuipers no final da prova sobre esta sua experiência.
Miki Biasion, piloto italiano e veterano do Dakar referiu que “o Dakar deste ano mostrou-se muito difícil devido à areia, especialmente na primeira parte da corrida onde havia um percurso muito mais variado em termos de terreno. O trabalho em equipa é essencial em momentos como esses, quando se têm de enfrentar tais desafios. No início não tive sorte e perdi algum tempo, mas continuei a lutar, ajudando a equipa a alcançar um lugar no pódio para as cores da Iveco. No final não o conseguimos, mas decerto que fizemos o nosso melhor.”

Dakar 2013: Iveco com o 3º e 4º melhores tempos na 12ª etapa

Iveco Dakar 2013

Gerard de Rooy (Iveco) foi o piloto mais rápido no início da 12ª especial do Dakar 2013, seguido de Ales Loprais (Tatra), piloto que o apanharia no controlo de passagem intermédio, depois de um furo ter obrigado de Rooy a parar alguns
quilómetros após o início da etapa, fazendo-o perder cerca de 10 minutos.
No km 37 da especial, Peter Versluis (Man) seguia na liderança, à frente Martin Kolomý (Tatra) por 15m, enquanto Loprais caía para 3º. Ao km 91 foi Miki Biasion (Iveco) quem ultrapassou Loprais, alcançando o 3º posto, apenas 9s atrás do líder da especial.
Após o km 169, sensivelmente a meio do percurso, Biasion e o seu Novo Iveco Trakker seguiam na frente com o melhor registo, batendo Loprais por 25s e Andrey Karginov (Kamaz) por 26s. Versluis era 4º, 1m33s atrás de Biasion,
seguido de Kolomý e Gerard de Rooy, respetivamente a 2m36s e 3m46s atrás do líder da especial. Pouco antes do km 239, Gerard de Rooy subia para 3º, a 3m07s do líder da especial.
Karginov (Kamaz) foi o mais rápido na especial com 4h09m44s, seguido do seu colega Mardeev, a 2m36s. Os dois camiões Iveco colocaram-se logo atrás dos Kamaz, com Gerard de Rooy a 2m49s do vencedor e Miki Biasion com mais 19s do que este último.
À geral da classificação reservada aos camiões, Gerard de Rooy ocupa agora a 5ª posição, a 56m22s do líder Nikolaev (Kamaz). René Kuipers e Miki Biasion, do Team Petronas De Rooy Iveco, ocupam o 8º e o 14º lugares, respetivamente.
A 13ª especial corre-se hoje ao longo de 441 km, tendo mais 294 km de ligação, entre Copiapó a La Serena. Será uma especial muito competitiva, representando a última hipótese para o Team Petronas De Rooy Iveco alcançar um lugar no top-3.

Dakar 2013: 11ª Etapa do Dakar 2013 cancelada no 1º Controlo de Passagem quando Gerard de Rooy liderava

Iveco em ação no Dakar 2013

O Team Petronas De Rooy Iveco liderava a 11ª etapa do Dakar 2013 quando os organizadores da prova anunciaram o seu cancelamento devido às más condições meteorológicas. Os leitos de rio que atravessavam o troço de La Rioja até
Fiambalá encontravam-se alagados pelas chuvas torrenciais. A etapa tinha uma distância prevista de 219 km, mas foi parada no 1º Controlo de Passagem. Gerard de Rooy, do Team Petronas De Rooy Iveco, encontrava-se no 1º lugar
com o seu Iveco Powerstar, tendo uma vantagem de 5 segundos para Ales Loprais (Tatra). Eduard Nikolaev (Kamaz) estava a 2m06s e Ayrat Mardeev (Kamaz) era 4º, a 3m07s. Miki Biasion (Iveco) rodava no 7º posto, a 7m21s do seu
colega de equipa, servindo de veículo de assistência a De Rooy. René Kuipers (Iveco) estava no 11º posto, a 10m11s.
No final Gerard de Rooy afirmava que “finalmente, após dois dias infelizes, tudo estava a correr bem de novo, pelo que lamento não podermos continuar a etapa.Teríamos, com certeza, recuperado mais tempo. As nossas hipóteses estão agora a diminuir mas vamos continuar a olhar em frente para o dia de amanhã. Novo dia, novas hipóteses.”
Já Tom Colsoul, navegador do Team Petronas De Rooy referia que “estávamos de volta ao nosso melhor e o Iveco Powerstar rodava na perfeição sem quaisquer problemas. O Nikolaev e o Mardeev tinham sofrido furos logo após o Controlo de Passagem 1, e o Kolomý também já antes tinha tido o mesmo problema, pelo que
estávamos em boa posição para a luta pela vitória. Foi pena.” A 12ª etapa, que liga Fiambalá a Copiapó, é muito difícil. Os pilotos terão de percorrer uma ligação de 396 kms e uma especial que totaliza 319 km. Pelo caminho irão passar a cordilheira dos Andes através do ‘El Paso San Francisco’, atravessando o famoso Deserto de Atacama, onde os esperam dunas enormes.
Os resultados desta etapa são cruciais para a vitória final.

Iveco com ‘site’ dedicado ao Dakar
A Iveco desenvolveu o site http://dakar.iveco.com dedicado às performances do Petronas De Rooy Iveco Team. Nele podem ver-se os resultados dia a dia, bem como fotos e vídeos da equipa, informações sobre os pilotos, os veículos e o percurso da prova.

Ruben Faria lidera Dakar 2013!

Ruben Faria

A Etapa de hoje que ligou San Miguel de Tucumán a Córdoba teve um total de 852Km dos quais 593Km de especial cronometrada dividido em dois setores seletivos.

Ruben Faria tinha hoje uma oportunidade de ouro para fazer história no Dakar e não a desperdiçou, pela primeira vez um piloto português entra na 2ª semana do Dakar a líderar a prova. Atacando forte desde inicio, cedo se percebeu que Ruben Faria estava num ritmo muito rápido o que permitiria chegar à liderança do Dakar no final da Etapa e foi mesmo isso que aconteceu, tendo agora uma vantagem de 5 minutos para o seu chefe de fila Cyril Despres, que é o segundo classificado. Com o resultado de hoje o Dakar passa a ter o 6º líder diferente desde o seu inicio em Lima o que prova a competitividade da prova até este momento.

Amanhã irá disputar-se a 10ª Etapa entre Córdoba e La Rioja com um total de 636Km dos quais 357Km de especial cronometrada. Os concorrentes irão encontrar  mais uma vez um percurso muito técnico, grande parte dele no meio da floresta

Ruben Faria: “Foi um dia perfeito! O Cyril ganha a Etapa e recupera grande parte do tempo perdido e eu passo a liderar o Dakar! Esta foi a estratégia definida pela equipa KTM / Red Bull e estamos, para já, dentro dos objetivos. Vamos continuar a lutar forte para garantir alguma vantagem sobre os nossos adversários mais diretos pois estamos todos muito juntos e no Dakar tudo pode acontecer. Dedico este resultado a todos os meus patrocinadores, aos meus fãs e à minha família! Um grande abraço e muito obrigado pelo vosso apoio diário!”

Dakar 2013 – Miguel Ramalho em entrevista no 16Válvulas

Imagem da apresentação mediática na China
Imagem da apresentação mediática na China

Já na recta final das entrevistas com os portugueses presentes no Dakar 2013 , apresentamos o navegador da unica dupla portuguesa na prova.

Assim , hoje é a vez de apresentarmos aqui no 16Válvulas a entrevista feita com Miguel Ramalho , experiente navegador que depois de muitos títulos no TT em Portugal regressa ao Dakar , desta vez na companhia de Carlos Sousa.

Nesta entrevista percebemos a realidade do potencial da equipa Great Wall , poucos dias depois da mediatica apresentação feita na China.

Já no final Miguel Ramalho faz a divulgação que irá quase de certeza fazer o CPTT , ao lado de Miguel Barbosa.

Em suma: mais uma entrevista na 1ª pessoa de divulgação dos pilotos portugueses presentes no Dakar 2013. Para o trabalho do 16Válvulas ficam a faltar  Helder Rodrigues , Mario Patrão e Paulo Gonçalves de quem esperamos oportunidade de entrevista , pelo menos no regresso.

Cliquem aqui para ouvirem e subscreverem o Podcast do 16Válvulas

Dakar 2013 – Bianchi Prata quer o apoio dos Portugueses e basta 1 Euro!

Pedro Bianchi Prata
Pedro Bianchi Prata

Mais uma entrevista/apresentação de participantes no Dakar 2013.

Hoje o meu convidado é português e tem muitos anos de experiência no motociclismo de TT . Chama-se Pedro Bianchi Prata.

Segundo podemos perceber o piloto tem tudo pronto para a prova onde vai estar presente com uma Husqvarna.

Tem ambições próprias de quem tem um projecto independente e consciência das limitações , ainda para mais num ano em que alguns do seus habituais patrocinadores abandonaram o projecto a poucos dias da partida para o Dakar 2013.

No final ficou o desafio de mais gente se juntar à equipa , através de donativos via página oficial. (mais detalhes na entrevista)

Em suma: mais um trabalho de divulgação do Dakar 2013 , que não deve perder por nada!

Cliquem aqui para ouvirem e subscreverem o Podcast do 16Válvulas

Carlos Sousa , piloto da Equipa Chinesa Great Wall no Dakar 2013 em entrevista ao 16valvulas

O "Chinês" Carlos Sousa
O “Chinês” Carlos Sousa

Poucas horas apenas de ter regressado de Marrocos onde esteve em testes , Carlos Sousa está hoje no 16Válvulas.

Nesta ocasião trocámos algumas impressões , não só sobre os testes , mas também perceber as possibilidades da Equipa chinesa no Dakar 2012 .

Já por o final ocasião de ouvirmos a opinião que Carlos Sousa tem sobre o CPTT 2012 , que já coroou Miguel Barbosa , com uma curiosa observação a propósito do nome dado pela FPAK ao CPTT , que deveria ser diferente na opinião do piloto de Almada….

Em suma: uma entrevista exclusiva com algumas afirmações importantes e que de certo vão ter a réplica na Imprensa especializada em Desporto Motorizado , que não deve perder por nada!

Cliquem aqui para ouvirem e subscreverem o Podcast do 16valvulas